Política e Economia

Prev Prox.

Portugal oferece dois contentores de demedicamentos a SãoTomé e Príncipe

23-04-2015 Acessos:87 Política Parvo Online

Portugal oferece dois contentores de demedicamentos a SãoTomé e Príncipe

Dois contentores de medicamentos, doados por Portugal ao Ministério da Saúde, foram entregues pela embaixadora portuguesa, Paula Silva à ministra da saúde, Maria de Jesus Trovoada em cerimónia realizada esta quarta-feira, 22, no Hospital Central Ayres de Menezes.

Leia mais

ADI adia congresso marcado para 25 de Abril

22-04-2015 Acessos:178 Política Parvo Online

ADI adia congresso marcado para 25 de Abril

O congresso do partido Acção Democrática Independente (ADI) no poder está adiado sem data. Em comunicado tornado pública esta terça-feira, 21, o partido veio “comunicar a todos os seus militantes, simpatizantes e ao público em geral o adiamento do seu Congresso previsto para o dia 25 de Abril”. O comunicado assinado pelo chefe de Departam...

Leia mais

ECOPAINT SÃO TOMÉ E PRINCIPE, Lda. Inaugura suas instalações na Rua Barão de Águ…

17-04-2015 Acessos:239 Economia Parvo Online

ECOPAINT SÃO TOMÉ E PRINCIPE, Lda. Inaugura suas instalações na Rua Barão de Água Izé

ECOPAINT SÃO TOMÉ E PRINCIPE, Lda. é o nome de uma empresa de múltiplas funções em decoração e de construção civil, inaugurada esta quinta-feira, 16, na Rua Barão de Água Izé, onde está situada a sede das suas instalações. Um acto inaugural marcado com a presença de algumas personalidades e de demais convidados.

Leia mais

Cinco agentes da PIC foram expulsos desta instituição por alegada prática de bur…

14-04-2015 Acessos:523 Política Parvo Online

Cinco agentes da PIC foram expulsos desta instituição por alegada prática de burla

Cinco agentes da Policia de Investigação Criminal (PIC) foram expulsos desta polícia, revelam os despachos nª 25 e 26 deste mês, datados de 30 de março findo, do ministro da Justiça e Direitos Humanos, Roberto Raposo. Essa expulsão recaiu em Erick do Rosário, Adejai Afonso, Odji Silva Ramos Cravid, Walker de Melo e Frederico de Almeida.

Leia mais

“Feitiço e feiticeiro” em debate!

13-04-2015 Acessos:375 Política Parvo Online

“Feitiço e feiticeiro” em debate!

O Secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores do Estado (STE), Aurélio Silva denunciou que a Socogesta fazia parte do gabinete de estudos do Porto de Águas Profundas. Através de um pedido de sindicância ao Governo, o STE quer explicações sobre a utilização dos fundos desse projeto.

Leia mais

Ministra da Saúde defende correção no Sistema Nacional de Saúde em STP

08-04-2015 Acessos:164 Política Parvo Online

Ministra da Saúde defende correção no Sistema Nacional de Saúde em STP

“A Segurança dos Alimentos” é o tema com o qual o 7 de abril, Dia Mundial da Saúde, foi assinalado este ano. A ministra da Saúde Maria de Jesus dos Santos numa comunicação ao País, por essa ocasião, citando a OMS disse que “em muitos casos as mortes por diarreias estão relacionadas com aquilo que comemos e bebemos e que mais de 200 doença...

Leia mais

Actualidades

  • Sociedade
  • Desporto e Cultura
  • Ciência e Tecnologia
  • Opinião e Análise
Prev Prox.

Projecto de Apoio a Pequena Agricultura Comercial

08-04-2015 Acessos:199 Sociedade Parvo Online

Projecto de Apoio a Pequena Agricultura Comercial

República Democrática de São Tomé e Príncipe Ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural Projecto de Apoio a Pequena Agricultura Comercial

Leia mais

Projecto de Apoio a Pequena Agricultura Comercial

08-04-2015 Acessos:170 Sociedade Parvo Online

Projecto de Apoio a Pequena Agricultura Comercial

República Democrática de São Tomé e Príncipe Ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural  Projecto de Apoio a Pequena Agricultura Comercial

Leia mais

STE num “Um Olhar para Função Pública” quer propor nova “Função Pública para STP

07-04-2015 Acessos:169 Sociedade Parvo Online

STE num “Um Olhar para Função Pública” quer propor nova “Função Pública para STP

“Um Olhar para a Função Pública”. É com esse lema que o Sindicato dos Trabalhadores do Estado (STE) inicia esta terça-feira, 7, os trabalhos de identificação dos vários problemas preocupantes nos demais sectores da Função Pública de SãoTomé e Príncipe. O pontapé de saída dessa ronda será na Direcção dos Transportes Terrestres, prevendo-se...

Leia mais
Prev Prox.

Memórias Póstumas à Maria Manuela Margarido

11-03-2015 Acessos:153 Cultura Parvo Online

Memórias Póstumas à Maria Manuela Margarido

A dimensão e a figura da escritora, poetisa e nacionalista, Maria Manuela Margarido estão retratadas numa exposição inaugurada, esta terça-feira, 10, no Arquivo Histérico, em homenagem ao 10 de março, dia do oitavo aniversário da sua morte.

Leia mais

Feira do livro aberta ao público no Centro Cultural Português a partir desta sex…

28-11-2014 Acessos:279 Cultura Parvo Online

Feira do livro aberta ao público no Centro Cultural Português a partir desta sexta-feira

O Centro Cultural Português acolhe a partir das 18 horas desta sexta-feira, 28, uma feira do livro, aberta ao público até ao dia sete de dezembro próximo, organizada em parceria com Editores e Distribuidores PalmoApalmo. A abertura desta feira será precedida por uma cerimónia presidida por Joel Neves, administrador de PalmoApalmo.

Leia mais

“OS Leonenses” vai estar de volta aos fundões

31-10-2014 Acessos:497 Cultura Parvo Online

“OS Leonenses” vai estar de volta aos fundões

O conjunto “Os Leonenses” vai estar de volta aos fundões de SãoTomé e Príncipe. A notícia foi dada a “O Parvo”, em primeira mão, por Pedro Diogo (“Pêpê Lima”), cantor e um dos fundadores deste agrupamento musical nos anos 60, que está em Portugal para compra de equipamentos musicais. Ler toda a informação na edição impressa de “O parvo” n...

Leia mais

Ciência e Tecnologia

Prev Prox.

Robô da Nasa encontra moléculas orgânicas e gás metano em Marte

17-12-2014 Acessos:241 Ciência e Tecnologia Parvo Online

Robô da Nasa encontra moléculas orgânicas e gás metano em Marte

O veículo explorador Curiosity perfura rocha em Marte, em maio. 19/05/2013 A presença de metano na atmosfera de Marte e de elementos químicos orgânicos no solo do planeta vermelho são as mais recentes e provocantes descobertas do veículo explorador Curiosity, da Agência Espacial dos Estados Unidos (Nasa), na busca de pistas sobre a possi...

Leia mais

Donde provêm as águas do nosso Planeta?

17-12-2014 Acessos:393 Ciência e Tecnologia Parvo Online

Donde provêm as águas do nosso Planeta?

Segundo, notícias da AFP, de 10 de dezembro de 2014, cientistas da Agência Espacial Europeia, chegaram a seguinte conclusão:

Leia mais

Como funciona a Dieta do DNA?

02-12-2013 Acessos:456 Ciência e Tecnologia Parvo Online

Como funciona a Dieta do DNA?

Com as descobertas do Projeto Genoma foi possível interpretar as informações contidas no DNA  e com isso os cientistas iniciaram novas pesquisas para compreender melhor como os genes interagem com cada nutriente consumido através da alimentação. Destes estudos surgiu a ciência denominada nutrigenômica.

Leia mais
Prev Prox.

Carta ao Diretor: “A Revolução Começa a Devorar os seus próprios Filhos”

17-04-2015 Acessos:239 Opinião e Análise Parvo Online

Carta ao Diretor: “A Revolução Começa a Devorar os seus próprios Filhos”

Esta frase é muito antiga e bem conhecida. Se bem que o conceito revolução nos empolga às práticas e memórias não mais desejadas. Hoje em São Tomé e Príncipe temos um grupo de preguiçosos, insensíveis a penosa vida do povo infiltrados no Aparelho do Estado. O governo eleito em nome do Estado não toma devida medida.

Leia mais

Veja 5 erros comuns que você deve estar cometendo ao gerir sua equipe

16-04-2015 Acessos:126 Opinião e Análise Parvo Online

Veja 5 erros comuns que você deve estar cometendo ao gerir sua equipe

Liderar não é tarefa fácil. E para aqueles que pensam que basta mandar e esperar que os outros obedeçam, sinto informá-los que estão enganados. Existem vários livros de autores diversos que dissertam extensivamente sobre as formas eficazes de se gerir uma equipe. São habilidades novas a serem desenvolvidas e aperfeiçoadas, mudanças na aná...

Leia mais

Concurso Público para Recrutamento de Técnicos para PAPAC

09-04-2015 Acessos:182 Opinião e Análise Parvo Online

Concurso Público para Recrutamento de Técnicos para PAPAC

O Governo da república Democrática de São de São Tomé e Príncipe obteve um donativo do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) para financiar o custo de Projeto de Apoio a Pequena Agricultura Comercial (PAPAC) do ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural. Concurso Público para Recrutamento de Técnicos para PAPAC

Leia mais
next
prev

Internacional

Prev Prox.

Unicef: 750 milhões de pessoas vivem sem água potável

23-03-2015 Acessos:151 Internacional Parvo Online

Unicef: 750 milhões de pessoas vivem sem água potável

Balanço foi divulgado neste domingo, data em que é celebrado o Dia Mundial da Água No Dia Mundial da Água, celebrado neste domingo, 22, um estudo do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) apontou que cerca de 750 milhões de pessoas não têm acesso à água potável no mundo. Em média, mil crianças morrem diariamente em decorrência ...

Leia mais

Médicos sul-africanos fazem 1º transplante de pênis do mundo

17-03-2015 Acessos:287 Internacional Parvo Online

Médicos sul-africanos fazem 1º transplante de pênis do mundo

Achar um doador de órgão foi um dois maiores desafios para o estudo. Médicos da África do Sul realizaram com sucesso o primeiro transplante de pênis do mundo, em um jovem que teve seu órgão amputado após problema em um ritual de circuncisão, informou o hospital responsável nesta sexta-feira.

Leia mais

Mulher mais velha do mundo comemora 117 anos

06-03-2015 Acessos:211 Internacional Parvo Online

Mulher mais velha do mundo comemora 117 anos

Ela vive em um centro para idosos em Osaka e seu estado de saúde é bom, segundo seus cuidadores.

Leia mais

Algumas palavras sobre o 5 de Novembro - Dia da Juventude são-tomense - Actividades ou Políticas? (III)

Share

Deve propiciar condições de ascensão social e garantir direitos específicos que torne a vivência da condição juvenil uma trajectória de emancipação. Esse projecto precisaria de reconhecer os avanços da sociedade do conhecimento, as novas ocupações e a necessidade de inovar os processos produtivos que articulem desenvolvimento, sustentabilidade e ampliação de direitos.

Isto significa dizer que o projecto de desenvolvimento necessita equacionar crescimento económico com sustentabilidade ambiental e distribuição de riqueza; geração de empregos com garantia de trabalho decente; investimento em saúde, cultura, educação e desportos; tecnologia da informação e comunicação; mobilidade e acessibilidade; e aprofundamento democrático a partir de reformas estruturantes como a política, a fiscalidade, segurança, a reforma urbana e agrária.

13 - Associado a esse plano, a orientação do actual governo de focar a erradicação da pobreza extrema continuará aprazendo dum enfoque social ampliado de políticas públicas de juventude. A implementação de políticas de juventude abrangentes e em escala devem colaborar na superação do ciclo de reprodução da pobreza que atinge as novas gerações e a elas devem se associar pro-gramas emergências de inclusão que possam realmente interpretar as características específicas dos jovens em situação de maior vulnerabilidade.

14 - A ampliação da cobertura das políticas sociais deve compreender também uma nova geração de políticas públicas de juventude e a criação de novos direitos sociais. O recorte conceitual que deve organizar essa nova geração de políticas é o da emancipação e do desenvolvimento integral dos jovens, passando pela afirmação de novos direitos específicos.

15 - Neste documento seriam apresentados cinco eixos de direitos da juventude para contribuir com o debate que a Conferência irá proporcionar: Direito ao Desenvolvimento Integral: educação, trabalho, cultura, comunicação; Direito ao Território: cidade, campo, transporte, meio ambiente e comunidades tradicionais; Direito à experimentação e qualidade de vida: saúde, desportos, lazer e tempo livre; Direito à diversidade e à vida segura: segurança, valorização e respeito à diversidade e direitos humanos; DI-REITO À PARTICIPAÇÃO EIXO 1. Direito ao desenvolvimento integral

16 - As políticas que garantem o desenvolvimento integral da juventude, com acesso a educação de qualidade, trabalho, cultura e comunicação consideram dimensões fundamentais dessa população. Estão relacionadas directamente com processos de formação, experimentação, construção de trajectórias e projectos de vida, expressão, manifestação e participação na vida social e económica.

17 - Ao considerar o desenvolvimento integral da população jovem, dando prioridades às quatro áreas apontadas nesse eixo, as políticas públicas afirmarão o lugar estratégico e decisivo da juventude no processo de desenvolvimento do país. 1.1Juventude e Educação.

18 - Desde quando cursam os primeiros anos do ensino obrigatório até se formarem na universidade, os jovens passam grande parte do seu tempo dentro do ambiente escolar. A escola, além de um centro de formação humana, cidadã e profissional, é um espaço privilegiado de socialização dos jovens, de desenvolvimento de suas aptidões e sonhos.

19- A educação não é importante somente para a vida desses jovens, que são transformadas a partir dos conhecimentos e experimentações dentro da escola. Trata-se de uma área estratégica para definir os rumos de todo o país nas próximas décadas. O crescimento económico e a ampliação do consumo e das ofertas de trabalho e emprego nos mais diversos segmentos produtivos colocam a necessidade de criação de mão-de-obra especializada, formada em todos os campos do conhecimento.

20 - Na última década, São Tomé e Príncipe colocou a universalização do acesso à educação básica como prioridade máxima da política educacional. Porém, persistem ainda graves problemas quanto ao financiamento, à qualidade do ensino, disparidades distritais e regionais, índices significativos de evasão escolar e mesmo de analfabetismo entre a juventude.

21 - É minha convicção que existem cerca de 45% de analfabetos no país, e a maior parte deles são jovens. A erradicação do analfabetismo é um desafio geracional a ser enfrentado e vencido pela sociedade são-tomense nos anos vindouros. Para isso, é preciso uma combinação coordenada de políticas de acesso, qualificação do ensino e do ambiente, incentivo à permanência na escola e articulação entre os programas de alfabetização com os cursos de educação para jovens e adultos.

22 - Para além do acesso e alfabetização, o desafio que se coloca é qualificar a permanência da juventude no ambiente escolar. No caso da educação básica, especialmente no Ensino Médio, predomina ainda a disparidade entre a idade e série escolar, o que prejudica a formação e co-loca obstáculos para a permanência e progressão no sistema educacional.

23-O processo educacional também deve valorizar as experiências interdisciplinares, considerando elementos centrais de formação do jovem envolvendo outras áreas como a cultura, pesquisa, desportos, comunicação e meio ambiente. O conhecimento (tradicional) produzido por comunidades e pelas populações também precisa ser considerado e valorizado. A escola pública deve ser mais democrática, inclusiva, aberta para a comunidade, e associada às novas ferramentas tecnológicas e capaz de preparar o jovem para uma inserção activa e crítica na realidade social do país, da região africana e do mun-do.24. A ampliação da rede de educação profissional, técnica e tecnológica que integrem educação e qualificação - se mostram indispensáveis para aproveitar o actual momento de retomada do desenvolvimento e planeamento económico que vive o país augura ter. Através dela crescem as possibilidades de conquista de emprego, melhorias nas condições de trabalho e ganhos salariais. Em São Tomé e Príncipe também tem-se notado vantagens dum proveito por parte da sociedade civil, pois os jovens tendem, cada um a seu jeito, inserir-se no tecido social para a criação de riqueza.

25 - Em relação ao ensino superior, apesar de as taxas de ingresso e permanência de jovens nas universidades terem se ampliado de maneira significativa nos últimos 5 anos, o acesso é ainda restrito e desigual, dado o carácter reservado das bolsas concedidas aos estudantes. Portanto, a ampliação das oportunidades de acesso e permanência no ensino superior para a juventude deve ser encarada como uma meta estratégica para o desenvolvimento do país. 1.2 Juventude e Trabalho.

26 - Ainda faltam emprego e condições decentes de actuação profissional para os jovens em São Tomé e Príncipe. Apesar de o país ter aumentado seus postos de trabalho no sector informal, segundo penso, e começado a ampliar a mísera quantia em investimentos na qualificação da juventude, a realidade mostra que para quem é jovem, ter acesso ao trabalho decente ainda é um desafio. O aumento demográfico são-tomense, marcado pela participação maioritária da população entre 15 e 34 anos na população economicamente activa e a ampliação da participação juvenil nos postos de trabalho, colocam grandes desafios para as políticas públicas de juventude, pelo que podem contribuir para que os jovens possam assumir seu papel central na construção do desenvolvimento do país. Julgo que a débil qualidade da inserção profissional tem impactos para afectar a vida profissional, que se limita ou amplia, em face das oportunidades ofertadas pelo crescimento económico e a distribuição de riquezas.

27. Dado o avanço das iniciativas pelo Trabalho Decente surgidas a partir das sessões de conferências da OIT, dada a sua importância e especificidade no segmento juvenil deverá ser instituído um subcomité para construção da Agenda Nacional de Trabalho Decente para a Juventude são-tomense, em 2012-13.

O documento inclui quatro eixos prioritários:

1) mais e melhor educação, baseada na elevação da qualidade do ensino médio, ensino técnico e qualificação profissional;

2) conciliação dos estudos, trabalho e vida familiar;

3) inserção activa e digna no mundo do trabalho com mais e melhores empregos para os jovens e com igualdade de direitos, oportunidades e tratamento e

4) diálogo social, com a intenção de ampliar e fortalecer o debate sobre as alternativas e condicionantes para a melhor inserção juvenil no mercado de trabalho.

28 - Segundo dados do “olho a olho” constata-se que os jovens além de constituírem o grupo etário mais desfavorecido pelas condições de trabalho, enfrentando altas taxas de desemprego e de informalidade, baixos rendimentos e ausência de protecção social, também enfrentam elevadas taxas de rotatividade, principalmente por estarem em trabalhos precários, na maior parte de vezes, de carácter temporário. Qualquer pesquisador concordará comigo que os trabalhadores jovens ganham, em média, menos de metade do que ganham os adultos e muitos não têm carteira profissional assinada.

29 - Seu impacto é percebido também na temática dos estágios, que avançaram na regulamentação, podendo ser experiências de grande importância para a juventude como estímulo para o aprendizado de uma futura profissão e interacção do ambiente escolar com o mundo do trabalho. Porém, é fundamental garantir que o estágio não seja utilizado como um recurso para conseguir mão-de-obra barata e irregular. É preciso criar mecanismos de fiscalização e acompanhamento destes estágios para que não seja utilizado para burlar a legislação laboral sem garantir ocupações que favoreçam o aprendizado. 1.3 Juventude e Cultura

30 - A Cultura entrou na pauta. Deixada por muitos anos em segundo plano pelo poder público, reconhecida somente como entretenimento ou na valorização das formas mais eruditas, a produção cultural passou a ser vista de outra forma na última década. Na linha de frente desse debate, não por acaso, está a juventude, historicamente ligada aos movimentos de vanguarda e transformação dos valores sociais por meio da cultura. Os jovens sempre se associaram à experimentação no campo das artes e da cultura, agentes protagonistas de manifestações e linguagens artísticas renovadoras e transformadoras do panorama cultural.

31 - As políticas públicas da cultura devem promover a criação de mecanismos que garantam a circulação da cultura nacional e da produção independente na televisão, rádios, internet (com a chegada dos cabos submarinos) e cinemas. A desconcentração desses meios e o apoio à produção regional e nacional nas programações devem estar combinados com a ampliação do acesso da juventude a esses bens e serviços.

32 - A diversidade cultural do povo são-tomense deve ser incorporada ao centro das políticas públicas, reconhecendo que todo cidadão não é apenas consumidor como também produtor de cultura. Embora reconhecidamente não existam políticas públicas de cultura com recorte especificamente juvenil, em determinados programas e acções a participação da juventude como público-alvo de algumas iniciativas é maioritária. Ainda neste capítulo convém ressaltarmos as prioridades aprovadas no Encontro de Barack Obama com a Juventude Africana e mundial referente ao tema cultura relacionadas com a criação e utilização de espaços e equipamentos culturais, universalização do acesso à cultura, defesa e ampliação do conteúdo nacional produzido e veiculados pelos meios de comunicação. 1.4 Juventude e Comunicação

33. Nas redes sociais e compartilhando livre conteúdos e conhecimentos, com uma câmara digital, celular ou tablete na mão e muitas ideias na cabeça, a juventude é, sem dúvida, quem mais apropria das novas formas de comunicação no mundo, considerando principalmente o período da internet e da inclusão digital.

34 - A humanidade passa pelo momento de apropriação, utilização e reinvenção permanente das

de Informação e Comunicação (TICs). Um dos grandes desafios políticos para a sociedade são-tomense neste início de século 21 é o de democratizar essa transformação, tornando estes instrumentos acessíveis a toda a população, como condição determinante para um desenvolvimento integral e construção de uma sociedade inclusiva.

35 - O direito à informação e comunicação está garantido na nossa Constituição, mas sua efectividade depende de políticas de democratização dos meios de comunicação, tanto do ponto de vista do acesso à informação produzida nos mais diferentes meios e suportes, como do incentivo à criação de novos meios e instrumentos de comunicação que permitam aos diferentes segmentos sociais a criação de instrumentos de expressão na esfera pública.

36 - A implementação do Programa Nacional de Juventude se afirma neste contexto como uma infra-estrutura indispensável para o desenvolvimento de São Tomé e Príncipe, uma política nacional estruturante e que tenha um impacto directo na vida dos jovens são-tomenses. É preciso também investir em políticas sectoriais de comunicação, com foco na juventude.

37 - A digitalização dos ambientes educacionais desde a educação básica, o fomento às iniciativas e novas ferramentas de comunicação comunitária de Rádio e TV, médias livres, cultura digital, produção e veiculação de conteúdos com licenças flexíveis, incentivando o desenvolvimento são algumas das pautas que a juventude e a sociedade são-tomense vem construindo nos últimos anos e que merecem um olhar mais atento nas políticas públicas de comunicação.

38 - É importante ressaltar que uma política de comunicação democrática deve promover um maior equilíbrio na distribuição dos conteúdos desenvolvidos para os meios de comunicação de massa, incentivando a produção independente e observando as diversidades distritais e regionais.

Júlio Neto

Share
Prev Prox.

Governo enfrenta “guerra silenciosa” no comércio do arroz do Japão em STP

20-04-2015 Acessos:220 Avisos e Anúncios Parvo Online

Governo enfrenta “guerra silenciosa” no comércio  do arroz do Japão em STP

O Governo e alguns comerciantes habituados a explorar os são-tomenses, no comércio do arroz de Japão, estão numa espécie de “guerra silenciosa”. Toneladas deste arroz chegadas ao País, que deveriam ser vendidas aos consumidores por 13 mil dobras o quilo, estão a ser mais comercializadas no comércio informal a 25 mil dobras por caneca que ...

Leia mais

Carta ao Diretor: “A Revolução Começa a Devorar os seus próprios Filhos”

17-04-2015 Acessos:239 Opinião e Análise Parvo Online

Carta ao Diretor: “A Revolução Começa a Devorar os seus próprios Filhos”

Esta frase é muito antiga e bem conhecida. Se bem que o conceito revolução nos empolga às práticas e memórias não mais desejadas. Hoje em São Tomé e Príncipe temos um grupo de preguiçosos, insensíveis a penosa vida do povo infiltrados no Aparelho do Estado. O governo eleito em nome do Estado não toma devida medida.

Leia mais

Veja 5 erros comuns que você deve estar cometendo ao gerir sua equipe

16-04-2015 Acessos:126 Opinião e Análise Parvo Online

Veja 5 erros comuns que você deve estar cometendo ao gerir sua equipe

Liderar não é tarefa fácil. E para aqueles que pensam que basta mandar e esperar que os outros obedeçam, sinto informá-los que estão enganados. Existem vários livros de autores diversos que dissertam extensivamente sobre as formas eficazes de se gerir uma equipe. São habilidades novas a serem desenvolvidas e aperfeiçoadas, mudanças na aná...

Leia mais

Comité de Coordenação Multissectorial CCM

13-04-2015 Acessos:106 Avisos e Anúncios Parvo Online

Comité de Coordenação Multissectorial CCM

O Conselho de Coordenação Multissectorial (CCM) é o órgão responsável pela coordenação e acompanhamento de todas as intervenções no sector de saúde que necessita de uma coordenação multissectorial bem como de todas as actividades no âmbito dos Projetos de Fundo Global de Luta contra Sida, Tuberculose e Paludismo.

Leia mais

Concurso Público para Recrutamento de Técnicos para PAPAC

09-04-2015 Acessos:182 Opinião e Análise Parvo Online

Concurso Público para Recrutamento de Técnicos para PAPAC

O Governo da república Democrática de São de São Tomé e Príncipe obteve um donativo do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) para financiar o custo de Projeto de Apoio a Pequena Agricultura Comercial (PAPAC) do ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural. Concurso Público para Recrutamento de Técnicos para PAPAC

Leia mais

ANÚNCIO DA HASTA PÚBLICA

08-04-2015 Acessos:228 Avisos e Anúncios Parvo Online

ANÚNCIO DA HASTA PÚBLICA

A Agência Nacional do Petróleo, faz saber a todos interessados de que, sob reserva do direito por parte do Estado de não proceder à respetiva adjudicação, no caso de não convirem os preços oferecidos, realizará uma Hasta Pública (1ª praça), no Sábado dia 18 de Abril do corrente ano, no recinto da Agência Nacional do Petróleo de S.Tomé e...

Leia mais

CST - sempre juntos

Padaria Central

In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

CONCURSO PÚBLICO

  • 1
  • 2
  • 3
Prev Prox.

Governo enfrenta “guerra silenciosa” no comércio do arroz do Japão em STP

O Governo e alguns comerciantes habituados a explorar os são-tomenses, no comércio do arroz de Japão, estão numa espécie de “guerra silenciosa”. Toneladas deste arroz chegadas ao País, que deveriam ser vendidas aos consumidores por 13 mil dobras o qu... Leia mais

Comité de Coordenação Multissectorial CCM

O Conselho de Coordenação Multissectorial (CCM) é o órgão responsável pela coordenação e acompanhamento de todas as intervenções no sector de saúde que necessita de uma coordenação multissectorial bem como de todas as actividades no âmbito dos Proj... Leia mais

ANÚNCIO DA HASTA PÚBLICA

A Agência Nacional do Petróleo, faz saber a todos interessados de que, sob reserva do direito por parte do Estado de não proceder à respetiva adjudicação, no caso de não convirem os preços oferecidos, realizará uma Hasta Pública (1ª praça), no Sába... Leia mais

Alternative flash content

Requirements

Alternative flash content

Requirements

Nossos Leitores




Hoje: 3
Ontem: 61
Esta Semana: 3
Semana Passada: 1304
Este Mês: 4695
Mês Passado: 6219
Total: 44054


Comentários Recentes

  • Palácio do Povo vai cumprir o que diz a Constituição ou que reza a Lei Eleitoral?

    Joaquim Pereira 12.05.2014 08:39
    Senhores directores/resp onsáveis do Jornal parvo. Procurem se afirmar mais e melhor. isto mais parece ...

    Read more...

     
  • ADI e MLSTP/PSD divergem-se na proposta de data para se eleger novos dirigentes políticos

    Curso Nocturno 09.05.2014 19:04
    Num País onde o cumprimento da lei é não existe sempre a justiça não funciona sendo assim não há ...

    Read more...

Notícias Top +

  • Notícias + lidas
  • Notícias + recentes
  • Notícias + Comentadas
  • Comentários + recentes
05-01-2012
Direito de Resposta: A verdade sobre a Auditoria feita as contas da Autoridade de Zonas Francas
21-05-2012
Estudantes são-tomenses no Brasil surpreendidos com a nova norma para concessão de bolsas
17-02-2012
Corruptos à olhos de todos: o combate é do Pinto da Costa ou do deputado Sebastião Pinheiro?
31-08-2012
Comité Olímpico Santomense abre espaço à práticas desportivas ao ar livre
03-01-2012
Escândalos financeiros e administrativos na Autoridade de Zonas Francas
23-04-2015
Portugal oferece dois contentores de demedicamentos a SãoTomé e Príncipe
22-04-2015
ADI adia congresso marcado para 25 de Abril
20-04-2015
Governo enfrenta “guerra silenciosa” no comércio do arroz do Japão em STP
17-04-2015
Carta ao Diretor: “A Revolução Começa a Devorar os seus próprios Filhos”
17-04-2015
ECOPAINT SÃO TOMÉ E PRINCIPE, Lda. Inaugura suas instalações na Rua Barão de Água Izé
next
prev
Realtime website traffic tracker, online visitor stats and hit counter